NOSSOS FORNECEDORES

Nosso fornecedor de ostras: Aquanostra

A Aquanostra é uma empresa portuguesa de produção de ostras no Sado e Algarve, cuja actividade principal é a produção de ostras e a revenda de marisco.

É na maternidade que tudo começa, e é nesta fase que se produzem os juvenis das 2 principais espécies de ostras produzidas e consumidas em Portugal: a ostra chata (Ostrea edulis) e a ostra japonesa (Crassostrea gigas). Os juvenis que produzem são posteriormente eliminados de diferentes formas, sendo uma parte distribuída por produtores nacionais e internacionais e a outra enviada para a nossa unidade de crescimento e engorda, localizada no estuário do Sado.

É aqui que, extensivamente, e em águas ricas e férteis, as suas ostras crescem vigorosamente com várias espécies de peixes num harmonioso sistema integrado de criação multitrófica (IMTA). Todo o seu projeto assenta em dois pilares essenciais: qualidade e inovação, o que lhes permite compreender melhor a dinâmica das ostras e o habitat em que estão inseridas, podendo assim inovar constantemente e garantir a excelência do seu produto.

Eles utilizam os métodos de controle de qualidade e segurança mais seguros, garantindo que todas as sementes produzidas estejam livres de patologias. Trabalhando apenas com criadores da melhor qualidade e utilizando protocolos e métodos de produção desenvolvidos nos seus próprios projetos de I&D, temos tido sucesso na obtenção de sementes de qualidade e na criação de espécies de ostras com sucesso.

Seu local de produção é conhecido por sua alta produtividade biológica e enorme valor ecológico, que, aliado a um avançado sistema de monitoramento remoto, permite que tenham uma produção extensa e orgânica, dividida em 10 clareiras de cultivo.


Nosso fornecedor de ostras: Iha dos Puxadoiros

As ostras produzidas na Ria de Aveiro são apreciadas desde tempos imemoriais. Na Ilha dos Puxadoiros, eles são criados em antigas clareiras de salinas, resultando em uma produção de ostras confinada, ecologicamente correta e altamente sustentável.



Com a utilização de mão de obra qualificada, a modernização das técnicas de cultivo e a implementação de medidas sanitárias adequadas, podemos usufruir de um produto alimentar de elevada qualidade nutricional com a máxima segurança, produzido no coração da Ria de Aveiro.


Nosso fornecedor de frutos do mar: Conchamar

A Conchamar é uma empresa portuguesa reconhecida na importação, exportação e distribuição de marisco vivo.

A sua instalação é actualmente um dos maiores viveiros da Península Ibérica e tem uma capacidade de abastecimento de cerca de 50 toneladas de marisco, o que tem dado um contributo decisivo para a disponibilidade de produtos em épocas de baixa apanha.

A Conchamar começou a comercializar por volta de 1987 exportando frutos do mar para a Espanha, contando apenas com uma van para o fazer. Posteriormente surgiu a necessidade de construir um viveiro de peixes e com a sua construção deu-se início à distribuição nacional, que, na sua maioria, se destinava à restauração e pequeno comércio do concelho da Lourinhã.

Atualmente, contam com uma ampla e moderna instalação, equipada com as mais modernas tecnologias, garantindo maior controle de segurança, no manuseio e conservação dos produtos.

Todos os aquários são equipados com sistema de refrigeração, temperatura controlada entre 10 ° C / 12 ° C, sistema de refrigeração por filtração de água, entre outros equipamentos.

HACCP = SEGURANÇA

A Conchamar é uma das empresas internacionais que possui o sistema HACCP implantado e em pleno funcionamento.

Este sistema de controle de alimentos transmite e garante a seus clientes a segurança na qualidade de seus produtos.

O sistema HACCP, inicialmente denominado Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle, é uma metodologia reconhecida internacionalmente e adotada por entidades do setor alimentício. Esta importante ferramenta de proteção de alimentos funciona como um modo preventivo.

A sua implementação previne e minimiza os riscos alimentares, eliminando ou reduzindo a ocorrência de possíveis intoxicações alimentares.

A análise dos potenciais perigos para a saúde dos consumidores nas actividades do sector alimentar, a identificação das fases / locais onde estes mesmos perigos podem surgir e a decisão de quais são os perigos críticos para a saúde do consumidor são os principais objetivos do sistema HACCP.

Esse sistema permite que as entidades foquem nas etapas produtivas essenciais à segurança alimentar, garantindo que seus produtos sejam seguros para o consumidor.

Área de pesca

Todos os frutos do mar são pescados no Atlântico na costa portuguesa.